terça-feira, 4 de outubro de 2011

Amor e sua definição




Nosso senhor Jesus deu-nos “ um mandamento novo” ( João 13.34,)” um novo mandamento vos dou: que vós ameis uns aos outros; como eu vós amei a vós, que também uns aos outros vos ameis”
Para o cristão que deseja ser considerado um filho de Deus é preciso por em pratica esta ordenança sobre o amor ( João 13.35) “ nisso conhecerão que sois meus discípulos, se vós amardes uns aos outros” . Ser um seguidor fiel do mestre Jesus sem o amor ao próximo se torna impossível, é como tropeçar em suas própria palavras, e pregar algo e fazer outra, já que no novo testamento está embutida toda esta moral da caridade, pelo próprio Jesus, que como grande mestre, tem autoridade suficiente para nós prescrever e ensinar o excelente caminho que leva o homem para o céu, “ O AMOR”
Estas palavras são demasiadamente serias para que um cristão não se esforce por penetrar-lhes o sentido e ser-lhes fiel em suas conduta pessoal.
O objetivo desta obra literária é ajuda o caro leitor a compreender o que é este “ amor”
O método é simples; basta analisar os textos sagrados em seu mais profundo sentido e conservar no coração. Mas será necessário ouvir está palavra na acepção que tinha nos lábios de Jesus e no ponto de vista do apostolo Pedro “ Pedro tu me amas?” . Devemos no entanto analisar a tradução da língua original do novo testamento.
Em alemão ( liebe) em inglês ( Love), como em português e Francês, as línguas modernas só dispõem de uma palavra para designar “ amor”, quando o grego dispõe de diversos vocábulos para exprimir esse sentimento. Os apóstolos conservaram o ágape, que exprime tanto o respeito quanto o afeto. “ não amemos de palavras nem de língua, mas por ações em verdade” ( 1João 3.18) este amor não consegue ficar trancafiado, ou em silencio, dentro de nossos corações, pois ele expressa toda um boa conduta adequada, e ações que devemos ter para com próximo. O ágape é um amor inerente a Deus e aqueles aquém ele derramou esse dom “ Derramado em seus corações, pelo espírito santo ( romanos 5.5) este amor é de origem celeste vem acompanhado de alegria e paz ( gálatas 5.22,23) “ mas o fruto do espírito é; caridade, gozo, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé, mansidão, temperança, Contra estas coisas não há lei” DEUS nos ama tanto que foi capaz de entregar o seu único filho” único” significa o seu amado por excelência., querido entre todos( João 3.16) , mas a intenção do pai ao enviar o seu único filho, é explicada na seqüência do versículo “ (para que) nenhum se perca, cada um viva” ou seja o sofrimento de um, pelo bem comum a todos os homens da terra. Esta ai a expressividade desse “ amor ágape” que é incompreendido por muitos, mas é um desejo tão sincero e forte que consente no sacrifício absoluto para obter este “ bem” isto é a vida eterna”
Para se te um amor perfeito basta guardar a palavra de Deus em seu coração ( 1 João 2.5) “ o que guarda a sua palavra, nesse, verdadeiramente, o amor de Deus é perfeito”
Ao servo fiel de Cristo quando obedece a palavra, é levado ao ponto mais alto de desenvolvimento e maturidade, pois produz fruto.
Na conclusão deste assunto aprendemos que a caridade divina é a primeira; ela toma as iniciativas de qualquer tipo de comunicação e de todo o dom( 1 João 4.10 ao 19)
Cristo é a forma humana do amor, de Deus para com o homem, o amor ( philei) ou de amigo e irmão que é demonstrado na passagem de ( João 11,5) quando fala sobre a amizade de Jesus com a a família de Lázaro “ Marta e Maria de Betânia enviaram a Jesus este recado; senhor aquele que amas ( phileis) está doente( 11,3) o texto diz que Jesus amava ( ágape ) marta e sua irmã e lazaro( v.5 ) depois o mestre anuncia aos seus discípulos ; nosso amigo ( philos) lázaro está dormindo “( v.11)
A primeira vista não vemos diferença entre o amor da amizade e o amor da caridade, e o evangelista João terá empregado termos sinônimos simplesmente para variar seu estilo. Jesus amava Lazaro e sua família e este verbo corresponde ao ágape, mas quanto Jesus diz; “ lázaro nosso amigo” fala de um afeição intima de amizade e por fim não contendo sua emoção pela morte de lázaro ele chora, longe de ser insensível. Uma das manifestações da caridade sempre foi chorar com os que choram( romanos 12,15)
O verdadeiro amor vem de Deus e nem todos podem ter esse amor pois é um dom. só e dado aqueles que buscam e crêem em seu filho Jesus,
Quem ama ao próximo como a si mesmo independente se é um aliado ou inimigo, a ponto de perdoar , chegou ao nível de atingir o amor puro e cristal, o ágape que emana da luz de Deus. Toda boa dádiva vem de Deus e quem ama busca o bem comum, não apenas o seu ! Amar é deixar que o amor de Deus penetre em seu interior, quando isto acontece são gerados no homem frutos dignos de arrependimento. Amar em sua definição é aceitar o que Deus fez por nós, pois quem não ama ao filho de Deus não ama o pai. Sim digo isto porque o filho veio a esta terra como um de nós, porque nós amou primeiro. E de fato se entregou por nós sendo a expressão viva do que é o amor ! E como escaparemos nós se não atentarmos para um tão grande amor. Jesus ama a você como um amigo e irmão, o pai celeste o ama como se fosse um filho. ( Deus é amor) .