sábado, 9 de julho de 2011

Há conclusão no aprendizado da biblia

Há pessoas que passam anos na igreja e acham que nunca poderá ter um aprendizado bíblico por completo, nunca chegara há conclusão da palavra, ou a um conhecimento pleno da palavra. Mas a bíblia tem conclusão sim, você tem como aprender toda a palavra de Deus. (2 Timóteo 3. 14,15,16,17 ) “ tu porem, permanece naquilo que aprendeste e de que foste inteirado, sabendo de quem o tens aprendido, e que desde a infância sabes as sagradas letras que podem fazer te sábio para a salvação pela fé que há em Cristo Jesus, toda escritura divinamente inspirada é proveitosa para redargüir, para ensinar, para corrigir, para instruir em justiça; para que o homem de Deus seja perfeito, e perfeitamente instruído para toda boa obra.”
Veja a pessoa tem que esta preparado para toda boa obra, e toda boa obra tem conclusão, pois o que você entende por “ toda” algo completo, obra completa e bem feita.
A nós não é permitido por Deus compreender as coisas que não estão reveladas, mas tudo o que esta na bíblia tem uma conclusão. Tudo o que esta na bíblia pode ser aprendido ( Deuteronômio 29.29) “as coisa encobertas pertencem ao senhor nosso Deus, mas as reveladas nos pertencem a nós e a nossos filhos para sempre para que observamos todas as palavras desta lei” veja as coisas reveladas pertence a nós, e a bíblia é a palavra revelada.
( Eclesiastes 12.13) “ agora que já se ouviu tudo, aqui esta a conclusão: tema a Deus e obedeça aos seus mandamentos porque isso é o essencial para o homem”
Você não pode dizer todas as coisas se não há conclusão algo completo, se não há um fim. ( Mateus 28.20) “ ensinado-os a observar todas as coisas que eu vos tenho mandado; e eis que eu estou convosco todos os dias, até a consumação dos séculos”
Temos que observar todas as coisas que está registrado na bíblia.
O que seria de nós se não houvesse uma conclusão nos ensinamentos do senhor Jesus, naquilo que tivermos que aprender, qual seria nosso fim?
( 2timoteo 3.6ao 7) “ porque deste numero são os que se introduzem pelas casas e levam cativas mulheres néscias carregadas de pecados, levadas de varias concupiscências, que aprendem sempre, e nunca podem chegar ao conhecimento da verdade”
Nós nunca seremos liberto se nunca chegarmos ao conhecimento da verdade. ( João 8.32) “ e conhecereis a verdade e a verdade vós libertará”
Muitas pessoas pereciam na época de Cristo, por não terem o conhecimento da verdade, e por não terem este conhecimento eles crucificaram a Cristo por pura ignorância ( 1 Coríntio 2.8) “a qual nenhum dos príncipes deste mundo conheceu; porque, se a conhecessem, nunca crucificariam ao senhor”

Novo pacto, nova aliança.

Dizendo: novo pacto, ele tornou antiquado o primeiro. E o que esse torna antiquado e envelhece, perto esta de desaparecer (Hebreus 8. 13 )
Este versículo foi escrito pelo apostolo Paulo 2.000 anos atrás e levando em consideração que isto foi escrito pelo apostolo há 2.000 anos atrás, este pacto já desapareceu, e porque?
( Hebreus 8. 7ao 8) “ Pois se aquele primeiro fora sem defeito, nunca se teria buscado lugar para o segundo, porque repreendendo-os, diz: eis que virão dias, diz o senhor, em que estabelecerei com a casa de Israel e com a casa de Judá um novo pacto”
O conceito que esta estabelecido nas escrituras é que haveria uma nova aliança, novo pacto ou concerto entre Deus e seu povo. Agora se nós pertencemos efetivamente ao povo de Deus, nós não devemos fazer do pacto antigo a nossa lei , e porque ?
( Lucas 16.16) “ A lei e os profetas vigoraram ate João; desde então é anunciado o evangelho do reino de Deus e todo homem forceja por entrar nele”
Os pactos, os profetas, as leis inclusive o dizimo pois o dizimo é da lei, vigoraram ate João, desde então é anunciado o evangelho, ou seja o dizimo não faz parte do evangelho, porque ele faz parte dos preceitos da lei, a qual foi substituída pelo evangelho. E pelo que o dizimo foi substituído no evangelho?
( 2 coríntios 9.7 ) “ cada um contribua segundo propôs no seu coração, não com tristeza, nem por constrangimento; porque Deus ama ao que da com alegria”
Veja não esta escrito que você tem que pagar, mas contribuir, pois o dizimo era pago! Vamos ler( Hebreus 7.9) “ e por assim dizer, por meio de Abrão, ate Levi, que recebe dizimo, pagou dízimos”
Ou seja o dizimo era pago, constituindo-se numa obrigatoriedade, entretanto no evangelho você não tem que pagar nada, mas você contribui voluntariamente. E porque não é pago?
( Mateus 10.7 ao 8) “ e indo, pregai, dizendo : é chegado o reino dos céus. Curai os enfermos, ressuscitai os mortos, limpai os leprosos, expulsai os demônios, de graça recebestes, de graça daí”
Gratuitamente nós recebemos a palavra então temos que da- La de graça de certo ponto de vista, não podemos culpar certos pastores que cobram o dizimo! Porque se eles mesmo, nem receberam o evangelho, como podem dar o que não receberam. Pois se eles não pregam este evangelho, pois nem sequer o receberam o evangelho , pois o que eles estão pregando não é o evangelho, e porque ?
( Hebreus 1.8) “ mas ainda que nós mesmo ou um anjo do céu vos prega se, outro evangelho além do que já vós pregamos seja anátema”
Estamos vivendo no novo pacto o qual é o do evangelho de Cristo, portanto se tivermos um pouco de raciocínio iremos perceber que não precisamos viver segundo a lei de Moises, mas segundo o evangelho de Cristo, as leis cerimônias como o lava pés, as festividades, e rituais israelitas, a lei do dizimo, etc... foram abolidas por Cristo lá na cruz do calvário. Ele pagou com seu sangue pela nossa salvação, e nós deu o seu evangelho de graça, para também darmos aos outros que ainda não tem, de graça.